Luizianne segue na liderança, com 50% das intenções de voto; Moroni tem 39%

Eleições -

A segunda pesquisa do Datafolha sobre a disputa pela Prefeitura de Fortaleza no segundo turno, realizada nesta sexta-feira, 22 de outubro, revela um quadro estável: a candidata do PT, Luizianne Lins, tem 50% das intenções de voto, e o candidato do PFL, Moroni Torgan, conta com 39% das preferências. Em relação à pesquisa anterior, realizada no dia 14, Luizianne oscilou um ponto percentual para baixo, enquanto Moroni manteve o mesmo percentual. Considerados apenas os votos válidos (excluídos os votos em branco, os votos nulos e os eleitores indecisos) Luizianne teria 56% e Moroni 44%.

Leia mais »

Luizianne lidera disputa no segundo turno, com 51% das intenções de voto

Eleições -

A candidata do PT, Luizianne Lins, que ficou em segundo lugar no primeiro turno da eleição para a Prefeitura de Fortaleza, com 22,29% dos votos válidos, começa a disputa pelo segundo turno na liderança, 12 pontos à frente de seu adversário, o pefelista Moroni Torgan, revela pesquisa do Datafolha. Se o segundo turno da eleição fosse realizado hoje, 51% dos eleitores de Fortaleza votariam na petista. Moroni Torgan, que, no primeiro turno, teve 26,59% dos votos válidos, seria hoje a opção de 39% dos eleitores da capital cearense. Anulariam o voto ou votariam em branco 3%; se dizem indecisos 6% dos entrevistados. Considerados apenas os votos válidos (excluídos os votos em branco, os votos nulos e os eleitores indecisos) Luizianne teria 57% e Moroni 43%.

Leia mais »

Moroni, com 30% dos votos válidos, deve ir para segundo turno; adversário está indefinido

Eleições -

Se a eleição para prefeito de Fortaleza fosse hoje, o candidato do PFL, Moroni Torgan, estaria no segundo turno, a ser realizado em 31 de outubro; seu adversário, no entanto, poderia ser um entre três dos concorrentes ao cargo, segundo pesquisa realizada pelo Datafolha. Se a eleição fosse hoje, Moroni teria 30% dos votos válidos, isto é, excluídos os votos em branco, os votos nulos e os eleitores indecisos. Os três candidatos que disputam uma vaga ao lado do pefelista no segundo turno são Antonio Cambraia (PSDB), que teria hoje 20%, Inácio Arruda (PC do B), com 19% e Luizianne Lins (PT), com 17% dos votos válidos.

Leia mais »

Cambraia cai de 28% para 22% das intenções de voto; Moroni e Inácio têm 21%, cada; Luizianne Lins sobe de 8% para 14%

Eleições -

Faltando uma semana para o primeiro turno da eleição para prefeito de Fortaleza, a disputa na cidade continua indefinida, mostra pesquisa realizada pelo Datafolha, em parceria com o jornal O Povo, nesta quinta-feira, 23 de setembro. Em relação à pesquisa anterior, realizada nos dias 31 de agosto e 1º de setembro, Antonio Cambraia (PSDB), perdeu seis pontos percentuais, caindo de 28% para 22% das intenções de voto. Nos últimos dias o vice de Cambraia, Francisco Cavalcante, foi acusado de envolvimento no chamado "Caso França", escândalo relacionado a corrupção policial e tráfico de drogas que veio à tona em 1997. Um dado da pesquisa mostra a repercussão da denúncia no eleitorado: 51% dos eleitores que declaram intenção de votar em Cambraia responderam corretamente o nome de seu companheiro de chapa e candidato a vice-prefeito. Essa taxa é 28 pontos percentuais maior do que a dos que respondem corretamente o nome do candidato a vice na chapa de Aloísio Carvalho, do PMDB (Galeno Taumaturgo Lopes), o segundo em termos de respostas corretas.

Leia mais »