Saltar para o conteúdo principal

Cresce conhecimento de Bolsonaro e Haddad junto a eleitores

Eleições -

Na sua terceira tentativa de chegar à Presidência, Marina Silva é conhecida por 91% dos eleitores brasileiros, divididos entre os que a conhecem muito bem (27%), um pouco (32%) ou só de ouvir falar (32%). O ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin, que também já tentou ser presidente em 2006, tem taxa de conhecimento de 88%, sendo que 30% o conhecem muito bem, 29% o conhecem um pouco, e 30%, só de ouvir falar.

Novato na disputa e exposto a um noticiário intenso após ser esfaqueado na última semana, Bolsonaro agora é conhecido por 86% do eleitorado, índice superior ao registrado em agosto (79%). Esses 86% estão divididos entre aqueles que conhecem o candidato do PSL muito bem (29%), um pouco (23%) ou só de ouvir falar (34%).

Outro veterano em eleições presidenciais, Ciro Gomes é conhecido por 85% (em agosto, 82%), divididos entre quem o conhece muito bem (25%), um pouco (29%) ou só de ouvir falar (30%). Também estreante, Haddad viu o conhecimento de seu nome passar de 59% na segunda quinzena de agosto para 65% atualmente, sendo que 17% o conhecem muito, 21%, um pouco, e 27%, só de ouvir falar.

O candidato do PMDB, Henrique Meirelles, é conhecido, em diferentes níveis, por 60%. Na sequência, com taxa de conhecimento decrescente, aparecem Alvaro Dias (49%), Eymael (41%), Goulart Filho (33%), Amoêdo (31%), Boulos (30%), Daciolo (29%), e Vera (21%).

Baixa a pesquisa completa