Ibaneis tem 50 pontos de vantagem sobre Rollemberg no Distrito Federal

Eleições -

Primeira pesquisa Datafolha no 2º turno da eleição para governador do Distrito Federal mostra Ibaneis (MDB) na liderança, com larga vantagem sobre Rodrigo Rollemberg (PSB). O emedebista tem 75% dos votos válidos, ante 25% do pesebista. Ibaneis foi o candidato mais votado, com 42% dos votos válidos, ante 14% do govenador. Para a contabilidade dos votos válidos são excluídos os votos em branco ou nulos e os indecisos, é assim que a Justiça Eleitoral contabiliza e divulga o resultado oficial da eleição.

Leia mais »

Em São Paulo, Doria (53%) e França (47%) travam disputa acirrada

Eleições -

Primeira pesquisa Datafolha no 2º turno da eleição para governador de São Paulo mostra João Doria (PSDB) largando na frente, com 53% dos votos válidos enquanto seu concorrente, Marcio França (PSB), tem 47%. O ex-prefeito foi o candidato mais votado no 1º turno, com 32% dos votos válidos, ante 22% do govenador. Para a contabilidade dos votos válidos são excluídos os votos em branco ou nulos e os indecisos, é assim que a Justiça Eleitoral contabiliza e divulga o resultado oficial da eleição.

Leia mais »

Com 61% dos válidos, Witzel abre vantagem sobre Paes (39%)

Eleições -

Primeiro colocado no 1º turno, Wilson Witzel (PSC) tem 61% das intenções de votos válidos neste momento do 2º turno da eleição, resultado que lhe dá ampla vantagem sobre Eduardo Paes (DEM), que tem 39% dos válidos. No 1º turno, o candidato do PSC obteve 41% dos votos válidos, contra 20% do ex-prefeito do Rio de Janeiro.

Leia mais »

Zema tem 71% e abre ampla vantagem sobre Anastasia (29%)

Eleições -

Primeira pesquisa Datafolha no 2º turno da eleição para governador de Minas Gerais mostra Romeu Zema (NOVO) na liderança, com larga vantagem sobre Antonio Ansatasia (PSDB). O candidato do Novo tem 71% dos votos válidos, ante 29% do tucano. No 1º turno, Zema foi o candidato mais votado, com 43% dos votos válidos, ante 29% do senador. Para a contabilidade dos votos válidos são excluídos os votos em branco ou nulos e os indecisos, é assim que a Justiça Eleitoral contabiliza e divulga o resultado oficial da eleição.

Leia mais »

Bolsonaro (59%) mantém vantagem sobre Haddad (41%)

Eleições -

A retomada do horário eleitoral gratuito não trouxe mudanças significativas na disputa pela Presidência e, a nove dias da votação, o candidato Jair Bolsonaro (PSL) mantém ampla vantagem sobre Fernando Haddad (PT): 59% a 41%, considerando somente os votos válidos. Em pesquisa realizada na semana passada, três dias após o 1º turno, Bolsonaro tinha 58%, e o petista, 42%.

Leia mais »