Saltar para o conteúdo principal

Governadores e Ministério da Saúde superam Bolsonaro na crise do vírus

Opinião Pública -

Os brasileiros consideram o desempenho do Ministério da Saúde e dos governadores de seus Estados melhor do que o desempenho do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em relação à crise do coronavírus. Os resultados são de pesquisa feita entre 18 e 20 de março junto a brasileiros que possuem telefone celular, pós ou pré-pago, com 16 anos ou mais, em todas as regiões do país. As entrevistas foram feitas por telefone para evitar contato pessoal com a população.

Para 35%, o desempenho de Bolsonaro em relação à epidemia é ótimo ou bom, no mesmo patamar dos que o avaliam como ruim ou péssimo (33%). Há ainda 26% que consideram a atuação do presidente regular, e 5% que não opinaram.

Já o desempenho do Ministério da Saúde é aprovado pela maioria: 55% consideram ótimo ou bom, e somente 12%, ruim ou péssimo. Para 31%, o trabalho do ministério é regular, e 2% não têm opinião a respeito.

Os governadores têm desempenho similar ao do Ministério da Saúde: 54% avaliam que eles têm feito um trabalho ótimo ou bom, e para 16% o desempenho dos chefes do Executivo estadual tem sido ruim ou péssimo. Há 28% que consideram a atuação dos governadores regular, e 3% não opinaram sobre o tema.

Baixa a pesquisa completa