Saltar para o conteúdo principal

Para 65%, pandemia do coronavírus está piorando no Brasil

Opinião Pública -

Dois em cada três (65%) brasileiros adultos avaliam que a pandemia do coronavírus está piorando no Brasil, já, 28% avaliam que a situação está melhorando. Uma fração de 4% avalia que a situação está estável e 3% não opinaram.

A avaliação que a situação do coronavírus no Brasil está se agravando é majoritária em todos os segmentos sociodemográficos e alcança índices mais altos entre as mulheres (70%), entre os moradores da região Sul (73%), entre os mais jovens (74%) e entre os que reprovam a gestão Bolsonaro (80%). Em contrapartida, a avaliação que a situação está melhorando é mais alta entre os homens (34%), entre os moradores da região Nordeste (34%) e entre os que aprovam o governo Bolsonaro (46%).

Nesse levantamento, nos dias 23 e 24 de junho de 2020, foram realizadas 2.016 entrevistas por telefone, com brasileiros de 16 anos ou mais, de todas as regiões do país. A margem de erro da pesquisa é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos considerando um nível de confiança de 95%.

No último fim de semana, o Brasil atingiu o patamar de mais de 50 mil mortos por Covid-19. Quando questionados sobre o tema, 54% avaliam que o país não fez o que era necessário para evitar esse número, 23% avaliam que o país fez o que era necessário para tentar evitar esse número e 19% avaliam que nada que o país fizesse evitaria essa quantidade de óbitos por Covid-19. Uma parcela de 5% não opinou.

A percepção que o país não fez o que era necessário a fim de evitar essa tragédia cresce conforme aumenta o grau de instrução e a renda familiar mensal do entrevistado. O índice é também mais alto entre os que reprovam a administração Bolsonaro (74%) e entre os que avaliam que a situação da pandemia se agrava no país (62%). Já, a percepção que o país fez o que era necessário para evitar esse número de mortos por Covid-19 alcança índices mais altos entre os moradores de região Sul (30%), entre os que avaliam que situação da pandemia está melhorando (34%) e entre os que aprovam a gestão Bolsonaro (37%).

Baixa a pesquisa completa