Saltar para o conteúdo principal

Zema tem 71% e abre ampla vantagem sobre Anastasia (29%)

Eleições -

Primeira pesquisa Datafolha no 2º turno da eleição para governador de Minas Gerais mostra Romeu Zema (NOVO) na liderança, com larga vantagem sobre Antonio Ansatasia (PSDB). O candidato do Novo tem 71% dos votos válidos, ante 29% do tucano. No 1º turno, Zema foi o candidato mais votado, com 43% dos votos válidos, ante 29% do senador. Para a contabilidade dos votos válidos são excluídos os votos em branco ou nulos e os indecisos, é assim que a Justiça Eleitoral contabiliza e divulga o resultado oficial da eleição.

Zema lidera em todos os segmentos sociodemográficos e tem melhor desempenho no interior do que na capital e entre os municípios médios e pequenos do que entre os com mais de 500 mil habitantes.

O empresário conquistou mais votos de Fernando Pimentel (PT), terceiro colocado na disputa do 1º turno, do que Anastasia. Entre os eleitores de Pimentel no 1º turno, 66% declararam votar agora no candidato do Novo e 34% no tucano. Pimentel declarou neutralidade no 2º turno e não apoiará nenhum dos candidatos que disputam a eleição estadual.

Zema é o favorito tanto entre os eleitores de Jair Bolsonaro (PSL) quanto entre os eleitores de Fernando Haddad (PT) no estado. Entre os eleitores do deputado, 72% declararam votar no empresário e 28% no senador. Já, entre os eleitores do ex-ministro, os índices são, respectivamente, 67% e 33%.

Nesse levantamento, nos dias 17 e 18 de outubro de 2018, foram realizadas 1.473 entrevistas presenciais com eleitores, em 73 municípios do estado de Minas Gerias. A margem de erro máxima é de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos, para o total da amostra.
Na contabilidade do total de votos, incluindo brancos, nulos e indecisos, Zema tem 58% e Anastasia, 24%. Brancos e nulos somam 10% e indecisos, 9%.

O índice de menções corretas do número do candidato é um pouco mais alto entre os eleitores de Zema (60%) do que entre os de Anastasia (51%).

Baixa a pesquisa completa