Bolsonaro mantém crescimento e tem 39% dos votos válidos

Eleições -

O deputado Jair Bolsonaro (PSL) manteve trajetória ascendente revelada no início da semana e passou de 32% para 35% das intenções de voto desde a última terça-feira (2). Esse resultado dá ao militar reformado, hoje, 39% dos votos válidos, que excluem o percentual de brancos, nulos e indecisos, e seguem o parâmetro da Justiça Eleitoral para contabilizar e divulgar o resultado das eleições. Desde a semana passada, o candidato do PSL cresceu sete pontos percentuais (tinha 28% do total de votos entre 26 e 28 de setembro) e foi o único a se mover além da margem de erro.

Leia mais »

Maioria dos eleitores está triste e está com raiva da situação do país

Eleições -

Pesquisa Datafolha mostra que a maioria dos eleitores brasileiros está pessimista com o país. Das seis situações apresentadas, em todas a avaliação negativa superou a avaliação positiva: 88% se sentem inseguros no país (ante 11% que se sentem seguros), 79% estão tristes com relação ao país (ante 18% que estão felizes), 78% estão desanimados com o país (ante 21% que estão animados), 68% estão com raiva do país (ante 27% estão tranquilos), 62% estão com medo do futuro do país (ante 36% que estão com confiança) e 59% estão com mais medo do que esperança (ante 40% com mais esperança do que medo).

Leia mais »

Bolsonaro cresce e atinge 32%

Eleições -

O deputado Jair Bolsonaro (PSL) voltou a crescer e atingiu um patamar inédito de intenção de voto na atual disputa pela Presidência da República. Com 32%, ele ultrapassa pela primeira vez a barreira dos 30%, conquista um terço do eleitorado e volta a abrir vantagem sobre seu adversário mais próximo, Fernando Haddad (PT), que oscilou de 22% para 21% em relação à pesquisa realizada na semana passada, entre os dias 26 e 28. O levantamento que mostra esse movimento da candidatura de Bolsonaro foi feito inteiramente no dia 2 de outubro.

Leia mais »

Bolsonaro mantém liderança e Haddad se isola na segunda colocação

Eleições -

O deputado Jair Bolsonaro (PSL) segue na liderança da disputa pela Presidência da República, com 28% das intenções de voto, mas na penúltima semana de campanha vê cair a vantagem sobre seu adversário mais próximo, Fernando Haddad, que atingiu 22% e se isolou na segunda posição da corrida presidencial. Na comparação com levantamento realizado na semana passada, entre os dias 18 e 19, Bolsonaro ficou estável, enquanto o petista cresceu seis pontos percentuais (tinha 16%). Com isso, Haddad abriu distância em relação a Ciro Gomes (PDT), que passou de 13% para 11% e segue empatado com Geraldo Alckmin (PSDB), que oscilou de 9% para 10%. A ex-senadora Marina Silva (Rede) também oscilou para baixo e agora tem 5% das intenções de voto, ante 7% no último levantamento.

Leia mais »

Em alta, Bolsonaro lidera com 28%

Eleições -

Fora da campanha nas ruas há mais de dez dias, desde que sofreu um atentado em Minas Gerais, Bolsonaro segue isolado na liderança da disputa presidencial, e com tendência de alta gradual na preferência dos eleitores. Com 28% das intenções de voto, ele oscilou dois pontos percentuais na comparação com levantamento realizado na semana passada, entre os dias 13 e 14, e tem seis pontos a mais do que no início oficial da campanha, na segunda quinzena de agosto, quando aparecia com 22%, o que configura uma tendência de alta.

Leia mais »