Ótimo ou bom para 35%, aprovação ao governo Dilma fica estável

Opinião Pública -

A aprovação ao governo da presidente Rousseff (PT) em maio se manteve no patamar registrado em abril, oscilando de 36% para 35% nesse período. Também variaram dentro da margem de erro entre abril e maio os índices dos que desaprovam (de 25% para 26%) ou avaliam o governo da petista como regular (de 39% para 38%). Há ainda 1% que não opinou sobre o assunto.

Leia mais »

Desempenho da saúde é razão mais citada por descontentes com Dilma

Opinião Pública -

Atualmente, 36% dos brasileiros com 16 anos ou mais aprovam o governo da presidente Dilma Rousseff (PT), ou seja, o consideram ótimo ou bom, e outros 25% o desaprovam, avaliando-o como ruim ou péssimo. Para entender a opinião dos brasileiros sobre esse tema, o Datafolha consultou os brasileiros sobre os motivos que os levaram a essa avaliação. As respostas à questão foram espontâneas, ou seja, não havia uma lista de motivos pré-selecionados para a opção por um deles.

Leia mais »

Desempenho da saúde é razão mais citada por descontentes com Dilma

Opinião Pública -

Atualmente, 36% dos brasileiros com 16 anos ou mais aprovam o governo da presidente Dilma Rousseff (PT), ou seja, o consideram ótimo ou bom, e outros 25% o desaprovam, avaliando-o como ruim ou péssimo. Para entender a opinião dos brasileiros sobre esse tema, o Datafolha consultou os brasileiros sobre os motivos que os levaram a essa avaliação. As respostas à questão foram espontâneas, ou seja, não havia uma lista de motivos pré-selecionados para a opção por um deles.

Leia mais »

Desempenho da saúde é razão mais citada por descontentes com Dilma

Opinião Pública -

Atualmente, 36% dos brasileiros com 16 anos ou mais aprovam o governo da presidente Dilma Rousseff (PT), ou seja, o consideram ótimo ou bom, e outros 25% o desaprovam, avaliando-o como ruim ou péssimo. Para entender a opinião dos brasileiros sobre esse tema, o Datafolha consultou os brasileiros sobre os motivos que os levaram a essa avaliação. As respostas à questão foram espontâneas, ou seja, não havia uma lista de motivos pré-selecionados para a opção por um deles.

Leia mais »

Dilma enfrente cenário menos favorável em São Paulo e no Rio

Opinião Pública -

A avaliação do governo Dilma Rousseff (PT) atingiu 41% de aprovação no final de novembro, e a presidente também chega ao final do terceiro ano de mandato à frente de seus adversários na disputa pela Presidência em 2014. Em São Paulo e no Rio de Janeiro, porém, a situação da presidente é menos favorável.

Leia mais »