Bolsonaro é aprovado por 30% após um ano de governo

Opinião Pública -

A aprovação ao presidente Jair Bolsonaro (PSL) oscilou de 29% no final de agosto para 30% na primeira semana de dezembro, mês em que completa um ano de governo. Nesse período, seu índice de reprovação passou de 38% para 36%, e a taxa dos que o avaliam como regular passou de 30% para 32%. Há ainda 1% que preferiu não opinar sobre o tema, em patamar estável.

Leia mais »

Rodrigo Maia têm aprovação acima da média entre bolsonaristas

Opinião Pública -

Os presidentes das duas casas do Congresso também tiveram seus nomes avaliados pela população, e Rodrigo Maia (DEM), que preside a Câmara, mostrou-se bem mais conhecido que o presidente do Senado, David Alcolumbre (DEM), com taxas de conhecimento de 76% e 33%, respectivamente.

Leia mais »

Flamengo é time mais popular do Brasil

Opinião Pública -

O Flamengo é o time de futebol com a maior torcida no país: um quinto dos brasileiros adultos (20%) declarou espontaneamente torcer para o time do Rio de Janeiro. Esse índice é o mais alto já observado na série histórica do Datafolha, que começou em 1993. A seguir aparecem Corinthians, com 14%, São Paulo, com 8%, Palmeiras, com 6%, Vasco, com 4%, Cruzeiro, com 4%, Grêmio, com 4%, Santos, com 3% e Internacional, com 3%, entre outros times menos lembrados. Uma parcela de 22% declarou que não torce para nenhum time de futebol (entre os mais velhos o índice sobe para 31%) e 2% citaram a seleção brasileira.

Leia mais »

Maioria acredita que crescimento econômico não virá no curto prazo

Opinião Pública -

Pesquisa Datafolha mostra que a taxa de brasileiros otimistas com a situação econômica do país e pessoal vem recuando ao longo do ano. Este é o terceiro levantamento consecutivo que esses índices recuam. Com relação às expectativas macroeconômicas da inflação, desemprego e poder de compra dos salários os índices ficaram estáveis na comparação com julho.

Leia mais »

Maioria segue contra privatizações

Opinião Pública -

Embora tenha aumentado ligeiramente a parcela da população favorável à venda de empresas estatais, dois em cada três brasileiros (67%) se opõem às privatizações. Uma parcela de 25% é a favor da venda dessas empresas, e 2% são indiferentes, além de 6% que não opinaram. Em dezembro de 2017. em consulta sobre o tema, 70% se opunham à venda de empresas do governo para empresas particulares, e 20% se mostravam favoráveis.

Leia mais »