Maioria dos paulistanos aprova ações na cracolândia

Opinião Pública -

Ampla maioria dos paulistanos (89%) tomou conhecimento da ação para acabar com a cracolândia, na região central de São Paulo. Estão bem informados sobre o assunto 42%, e os demais estão mais ou menos informados (39%) ou mal informados (7%).

Leia mais »

Para 45% corrupção diminuirá após Lava Jato, e 44% não veem mudança

Opinião Pública -

Os brasileiros estão divididos sobre os efeitos da Lava-Jato sobre a corrupção no país. Para 45%, depois da operação o nível de corrupção no Brasil irá diminuir, e uma fatia igual (44%) avalia que ela continuará na mesma proporção de sempre. Há ainda 7% que acreditam que a corrupção irá aumentar, e 4% não opinaram. Na parcela dos homens, 52% acreditam que a corrupção irá diminuir, ante 39% entre as mulheres. Na faixa dos mais jovens, 50% avaliam que o nível de corrupção não irá se alterar, e 39%, que irá diminuir. Conforme o avanço da faixa etária, essa tendência se inverte: entre quem têm de 35 a 44 anos, 46% dizem que irá diminuir, e 45%, ficar como está; entre os mais velhos, com 60 anos ou mais, 49% avaliam que a corrupção diminuirá, e 36%, que ficará no mesmo nível de sempre. Na fatia dos mais pobres, 41% apontam que corrupção será menor, e 46%, que será igual; entre os mais ricos, esses índices ficam em 54% e 42%, respectivamente.

Leia mais »

70% querem fim do foro privilegiado

Opinião Pública -

Informados de que autoridades brasileiras como senadores, deputados e juízes possuem foro privilegiado, ou seja, quando acusados por um crime eles só podem ser julgados por tribuanis superiores, e não por juízes de primeira instância, e expostos aos argumentos a favor e contra o foro, 70% dos brasileiros avaliam que ele deveria deixar de existir, e para 24% deveria continuar existindo. Uma parcela de 6% não opinou.

Leia mais »

Melhora expectativa do brasileiro com economia

Opinião Pública -

O Índice Datafolha de Confiança (IDC) alcançou 97 pontos em abril. Na comparação com o último levantamento, de dezembro de 2016, o índice subiu 10 pontos (era 87) e retornou ao patamar de julho de 2016 (era 98). Este é o sétimo levantamento consecutivo que o índice fica abaixo dos 100 pontos - a última vez que o índice ficou acima foi em dezembro de 2014 (121 pontos).

Leia mais »

Maioria rejeita Reforma Trabalhista

Opinião Pública -

Seis em cada dez entrevistados (61%) declararam ter tomado conhecimento da proposta do governo para a reforma Trabalhista. Destes, 15% estão bem informados, 36% mais ou menos informados e 10% mal informados. Uma parcela de 39% declarou não ter conhecimento o sobre o assunto - o índice é mais alto entre os mais jovens (47%), entre os mais pobres (47%), entre os menos instruídos (55%) e entre os moradores da região Norte (49%).

Leia mais »