Lula e Marina lideram corrida eleitoral, e tucanos têm trajetória de queda

Opinião Pública -

Pesquisa Datafolha mostra que o ex-presidente Lula e a ex-senadora Marina Silva lideram a corrida eleitoral para presidente da República, em 2018. Em três dos quatro cenários eleitorais pesquisados, Lula e Marina estão empatados dentro da margem de erro, em um, o ex-presidente lidera isolado. Na comparação com a pesquisa anterior, de março, a intenção de voto em Lula cresceu em três cenários, voltando ao patamar observado em fevereiro, enquanto Marina se manteve estável em todos os cenários. Em março, após os acontecimentos da condução coercitiva, da divulgação de gravações telefônicas e da manifestação do dia 13/0

Leia mais »

Reprovação ao governo Dilma atinge 62% e é mais alta desde Collor

Opinião Pública -

Pela primeira vez desde que assumiu a Presidência da República, em janeiro de 2011, Dilma Rousseff enfrenta a insatisfação da maioria da população com seu governo. Atualmente, 62% dos brasileiros com 16 anos ou mais avaliam a gestão da petista como ruim ou péssima, 13% a consideram ótima ou boa, e para 24% é regular.

Leia mais »

Dilma (52%) e Aécio (48%) chegam empatados ao dia da eleição

Eleições -

Com 52% das intenções de votos válidos, a presidente Dilma Rousseff (PT) chega à véspera da votação empatada tecnicamente com seu adversário, Aécio Neves (PSDB), que tem 48%. O resultado indica um empate no limite da margem de erro, e a diminuição da vantagem de Dilma sobre Aécio de 6 para 4 pontos na comparação com pesquisa realizada no meio da semana, entre os dias 22 e 23 de outubro. É maior a probabilidade de Dilma estar à frente. A pesquisa reflete a opinião dos brasileiros entre ontem e hoje, e 5% dos eleitores permanecem indecisos.

Leia mais »

Dilma (53%) assume liderança da disputa presidencial; Aécio tem 47%

Eleições -

Com 53% das intenções de votos válidos, a presidente Dilma Rousseff (PT) tem uma vantagem inédita sobre Aécio Neves (PSDB) no segundo turno da eleição presidencial. O tucano tem, atualmente, 47% das intenções de votos válidos, distância que desfaz o empate técnico estabelecido entre as duas candidaturas até então.

Leia mais »

Indicadores econômicos elevam confiança de eleitores brasileiros

Opinião Pública -

O crescimento do otimismo do eleitor brasileiro quanto à economia do país, à situação econômica pessoal e aos aspectos macroeconômicos como inflação, desemprego e poder de compra, elevaram o Índice Datafolha de Confiança (IDC). No atual levantamento, realizado no dia 21 de outubro, o IDC registrou 142 pontos, aumento de 17 pontos na comparação com o levantamento realizado em agosto passado, quando marcava 125 pontos. O índice alcançou a melhor pontuação no ano, superando o índice de agosto. O atual índice é mais baixo apenas que ao obtido em março de 2013 (148 pontos) - antes das manifestações nas ruas.

Leia mais »